#PãoDoDia 22/08/11: LÁBIOS IMPUROS X IMPUROS LÁBIOS

PDFImprimirE-mail

AddThis Social Bookmark Button

"Lábios impuros x impuros lábios"

 

22 de Agosto de 2011 – Ministério Loucura da Pregação

 

 

 

"Então disse eu: Ai de mim! Pois estou perdido;

porque sou um homem de lábios impuros,

e habito no meio de um povo de impuros lábios;

os meus olhos viram o REI, o SENHOR dos Exércitos.."

(Isaías 6:5)

 

Desde criança, sempre fui muito curioso quando o assunto era Bíblia. Por causa do meu jeito vergonhoso na infância, muitas das minhas perguntas ficaram sem respostas por não querer perguntar para os outros. Uma das minhas curiosidades era a respeito desse versículo de Isaías. Questionava: "Porque lábios impuros e impuros lábios? Qual a diferença?" Eu perguntava isso porque eu sabia que o Livro de Isaías era um livro do grupo dos profetas maiores e não era da classe dos livros poéticos para ter esse jogo de palavras como se fosse um poema. "Qual é a diferença?". Passou-se alguns anos e finalmente ouvi a resposta. Foi em um dos muitos momentos que estive a sós com DEUS (eu acho que era por isso que ELE não respondia. Eu não parava para ouvi-LO), que ELE me respondeu. Na mensagem de hoje, deixo a resposta que recebi e que creio.

 

A primeira coisa que precisamos entender é que realmente existe uma enorme diferença entre "lábios impuros" e "impuros lábios". Para compreendermos melhor, precisamos perceber a ordem que as palavras aparecem. Quando Isaías estava se referindo de si mesmo, ele disse que era um homem de "lábios impuros". Aqui, a palavra "lábios" está na frente. Mas quando Isaías se refere ao povo, dizendo que vivia no meio de um povo de "impuros lábios", a palavra "impuro" está na frente. A diferença aparece claramente no versículos 6 e 7 que dizem: "Porém um dos serafins voou para mim, trazendo na sua mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; e com a brasa tocou a minha boca, e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniqüidade foi tirada, e expiado o teu pecado.". O anjo só teve acesso aos lábios de Isaías porque a impureza estava atrás dos lábios. Se a impureza tivesse na frente, a história seria outra, pois as nossas iniquidades nos separam de DEUS (o mesmo Isaías disse isso - 59:2). Algo maravilhoso que passa desapercebido nessa história é a confissão de Isaías. Ele disse: "Ai de mim, pois estou PERDIDO!". Essa é a condição de um verdadeiro adorador. JESUS declarou que DEUS está procurando os perdidos, pois esse adoram ao Pai em espírito e verdade (João 4:23-24). Quando confessamos que sem DEUS estamos literalmente perdidos, a verdadeira adoração aparece, pois não O adorando porque somos bons, mas O adoramos porque ELE É BOM. Isaías entendeu isso e, após declarar sua condição de PECADOR, disse que estava entre aquele povo mas era diferente deles. Ele era pecador assim como todo aquele povo de impuros lábios. A diferença é que para Isaías o pecado era como um acidente e não um estilo de vida. Isaías (assim como nós) era pecador não porque pecava, mas pecava por ser pecador. Isaías tinha lábios impuros não porque falava, vestia, agia, andava ou vivia como o povo de impuros lábios, mas porque a sua natureza pecaminosa, herdada de Adão e Eva, o colocava na condição de perdido. Por isso nenhuma boa obra é capaz de nos salvar, nos justificando diante de DEUS. Somente pela GRAÇA, mediante a FÉ que a brasa tirada do altar, o FOGO que foi tirado do céu, pode tocar o nosso coração e nos purificar de toda iniquidade. JESUS É A BRASA VIVA QUE FOI TIRADA DO ALTAR E DESCEU PARA MORRER POR NÓS E ATRAVÉS DO SEU SANGUE NOS PURIFICAR! (1ª João 1:7) A ELE seja dada toda Honra e Glória!

 

Não se deixe enganar: Você está nesse mundo, mas não é daqui. É possível viver no mundo sem se mundanizar, entrando na forma desse século. Assim como Isaías, que vivia no meio de um povo de impuros lábios, nós podemos viver nessa terra e ver o REI. A única coisa que o REI requer de nós é que reconheçamos a nossa condição de PERDIDOS sem a TUA GRAÇA, para que possamos O adorar em espírito e em verdade da maneira que ELE merece. Somente depois que a BRASA DO EVANGELHO tocar em nossos lábios, poderemos acreditar, pela FÉ, que a nossa iniquidade foi tirada. Assim, poderemos então gritar como Isaías gritou quando DEUS perguntou: "A quem enviarei, e quem há de ir por NÓS?". Deixe a verdadeira adoração ser o seu novo estilo de vida e grite: "Eis-me aqui, envia-me a mim".

 

 

DEUS ABENÇOE SUA VIDA!

 

AMÉM!

 

Pr.LucianoXisto – Ministério Loucura da Pregação

 

 

Outros Versículos:

 

"E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará O Meu Nome, e EU a ouvirei; direi: É Meu povo; e ela dirá: O SENHOR É O MEU DEUS." (Zacarias 13:9)

 

"Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o PAI em espírito e em verdade; porque o PAI procura a tais que assim O adorem. DEUS É ESPÍRITO, e importa que os que O adoram O adorem em espírito e em verdade." (João 4:23-24)

 

"Mas, se andarmos na luz, como ELE na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de JESUS CRISTO, Seu FILHO, nos purifica de todo o pecado." (1ª João 1:7)

 

"Mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso DEUS; e os vossos pecados encobrem o Seu rosto de vós, para que não vos ouça." (Isaías 59:2)


Online

Nós temos 28 visitantes online

Twitter

 

Facebook

Templates Joomla 1.5